segunda-feira, 25 de junho de 2018

junho 25, 2018 1 Comments
Ola amores, hoje vamos falar sobre como lidar com as crianças em fases difíceis na vida.Porque? Bom, eu e meu esposo estávamos acostumados a passear bastante, fazer bastante coisas legais. Porem isso tem gastos e passamos por um tempo bem difícil que o dinheiro era pouco e dava apenas para o essencial. Então,vem a pergunta como fazer as crianças se acostumarem com esse fato?



Minha princesa compreensiva




Primeiro, a pergunta correta que devemos no fazer não é essa. A certa é: Como vamos providenciar passeios para as crianças? Porque isso é importante para eles. E não podemos simplesmente tirar algo do nada que eles vão sentir. O que eu e meu esposo fizemos? Sentamos e conversamos com nossa filha mais velha, ela tem 6 anos.Abrimos o jogo, falamos que estávamos passando por uma situação difícil.Que nós também não estávamos contentes com isso e que precisávamos a ajuda dela. Ela se sentiu importante, tipo minha família precisa de mim. E ficou feliz com isso. Então nós tiramos o foco dela. Como assim Aline?kkk
O que quero dizer é que ela nem pensou nas dificuldades, que ela não fazia mais aqueles passeio tops. O ponto que ela estava gostando era que mamãe e papai precisava dela. Ela estava ajudando a família e tinha que ser forte.E assim ela se contentou com os parques que temos próximo de casa, se contentou com piqui nique, andar de bicicleta num espaço que tem aqui perto também.São coisas básicas,mas que foram importantes para manter a família unida.
Com isso aprendi uma coisa, o importante não é o que fazemos com eles, mas sim estar com eles. A criança só precisa do papai e a mamãe perto dando atenção, tirando aquele tempo para eles. Nós que fomos bobos kkk em ficar agoniado. Tudo é questão de conversa e também como falamos as coisas. Então a dica resumindo é: Não tire passeios dos filhos, faça passeios com menos gastos. Fique um tempo com eles, é disso que realmente precisam.

quinta-feira, 21 de junho de 2018

O QUE LEVAR PARA VIAJAR COM AS CRIANÇAS?

junho 21, 2018 1 Comments


Indo passear com meu esposo e meus filhos     



Ola mamães, assunto de hoje é sobre o que colocar na mala para essas criançadas kkk. Bom acontece muito de você se prepara com 1,000 malas kkk e ai durante o passeio não usa nem a metade das roupas.E ai vem o marido com: Viu? eu disse que não precisava de tudo isso! kkk
Bem, nessa parte ele tem razão mamães.Então eu trouxe algumas dicas de o que colocar na malinha,lembrando que falo por experiência própria, então sugiro o que eu faço ok?
Eu sempre já imagino o que eles vão usar no dia a dia, na minha mente eu já combino algumas  roupinhas, dai eu só coloco na mala de forma organizada os conjuntinhos que formei. Importante lembrar que é bom colocar conjuntinhos pensando no frio e no calor. Calcule que as crianças vão usar dois conjuntos por dia.Mesmo se você já tem como eu,uma menina de 6 anos, porque as crianças podem passar mal durante o passeio e sujar a roupa.Então não é só bebê que precisa de troca.
Também sempre é bom levar remédios que você já esta acostumada a dar para eles.Toda mamãe tem a farmácia caseira kkk. Então leve: analgésicos,antitérmico,antialérgico,algodão,antisséptico e curativos.
Não amasse tudo na mala, procure organizar colocar as coisas separadas para evitar das coisas derramar em roupas. Outra coisa que poderá fazer é tire tampa de produtos e passe papel-filme para evitar que vazem, dai coloque a tampa de novo.É só para criar mais uma barreira.
Espero que tenham gostado das dicas, são básicas mas fazem total diferença.

quarta-feira, 20 de junho de 2018

COMO ECONOMIZAR NO ENXOVAL?

junho 20, 2018 0 Comments
Ola mamães, hoje vamos falar sobre o que o marido gosta kkk, ECONOMIA.   Aqui vou dar algumas dicas de economia para vocês.Foram coisas que eu fiz e deu muito certo, porque quando estamos nesse momento, principalmente as mulheres, ficamos ansiosas, queremos tudo que vemos.Mas ai quando o bebê nasce tem coisas que nem utilizamos, as vezes nem da tempo porque eles crescem rápido. E ai o dinheiro já foi gasto. Por isso resolvi separar algumas dicas do que eu fiz.

Eu com a minha filha mais velha

A primeira dica é com relação a sapatinhos, o bebê só começa a usar mesmo quando começa a sentar. As vezes você compra três,quatro sapatos sendo que o bebê nem engatinha e ainda só usa macacão com pezinho. Ou seja, quando as crianças saem desse macacão com pezinho, também já perdeu o sapato e você perdeu o dinheiro. Sugiro comprar sapatos quando já tiverem querendo sentar.
Segunda dica é que agente vê muitas coisa bonitinhas,fofinhas e as vezes preço em conta, mas será que é tudo necessário? Se formos comprar tudo que for bonito e barato pode ter certeza que vai gastar mais, mesmo sendo barato.Porque são muitas coisas que chamam atenção e você só sentirá depois de ter gasto.Por isso, mesmo se for barato,pergunte: Sera que realmente vou usar isto nos primeiros meses do meu bebê?
Terceira dica é lojistas sabe que você quer um quarto lindo para seu bebê,então eles te apresentam o que esta na moda, o que esta em alta. E as vezes teu bolso não cabe naquilo, ai você fica tão empolgada que entra numa divida para comprar. Isso não é economia ao meu ver. Recomendo pesquisar, não tenha vergonha de dizer ao lojista que esta pesquisando e qualquer coisa você volta. É um direito que você tem. PESQUISAR. As vezes você pode encontrar a mesma coisa por um preço bem mais acessível.
Quarta dica é ganhei muita roupa usada de recém nascido, gente isso é ótimo. Ajuda muito e outra geralmente essas roupinhas são muito bem conservadas porque quase não da tempo dos bebês usarem. Escuta o que estou falando, passa muito rápido kkk. Então não tenha vergonha de aceitar e usar.
Imagine que você já esta com seu bebê nos braços e imagine um dia cuidando dele, tire um tempinho para pensar nisso.Visualize o que você esta usando, ai saberá o que comprar.
Quinta e ultima dica é com relação a fralda, não exagere comprando vários pacotes de tamanho RN ou P, você até compra se quiser, mas como perde rápido, se quiser fazer estoque em casa, faça de pacotes M e G.
Quero ressaltar que estou sugerindo o que eu fiz e deu certo para mim, então venho compartilhar com vocês.Espero que gostem das dicas e sugestões.

segunda-feira, 18 de junho de 2018

O QUE FAZER QUANDO A CRIANÇA NÃO COME?

junho 18, 2018 2 Comments
Ola, mamães lindas. Hoje vamos falar sobre papinhas.Aquele momento que você esta ansiosa para começar a dar papinha para seu bebê, dai você faz aquela papinha bem colorida de legumes com um tempero bem suave,mas um cheiro maravilhoso, prepara o bebê, pega uma colherada e quando você da para ele, ele gospe e faz cara feia kkk.
Bom, o que fazer em situações assim? Minha filha não comia nada gente, legumes,frutas, verduras, suco natural, nem pensar. Nem vitamina, e eu ficava apavorada com medo de alguma anemia ou fazer algo errado porque era minha primeira filha e eu tive ela aos 20 anos. O que eu fiz então?
Minha filha com três meses no colo da minha sogra, junto com meu esposo e minha mãe

Gente NUNCA force a criança a comer, isso pode fazer eles passarem mal e até vomitar. O que fazemos é com que eles experimentem, sinta o sabor, se realmente não gostar, nós damos outras coisas. Podemos ir nos adaptando,porque o bebê esta se adaptando. Por exemplo, ele passou 9 meses na sua barriga,sendo mantido pelo cordão umbilical, dai após o nascimento, vem o leite materno e a vida aqui fora por assim dizer, dai 6 meses depois, a mamãe já vem com papinha kkk. Entenderam o ponto? Precisamos ter paciência porque tudo é processo de adaptação tanto para a criança como para a mamãe.
Não se apavore, de alguma coisa a criança vai gostar. Minha filha depois de um tempo, só queria saber de batata.Dai aos poucos eu comecei a misturar a batata com cenoura, fazia a papinha com 80%batata e 20%cenoura, assim ela não sentia tanta diferença. Quando menos esperei, ela estava comendo varias papinhas. E outra percebi que tudo tem sua hora, só agora aos 6 anos que ela gostou da sua primeira fruta, a mexerica. E ela tem saúde para dar e vender. Então mamães, é claro que cada caso é um caso. Descubra o que a criança gosta e usa isso a favor. Eu apenas conto minha experiência como foi, porque sei que muitas passam por isso. Então quem sabe ajuda em alguma coisa né.

O QUE É VERDADE SOBRE O PARTO NORMAL?

junho 18, 2018 0 Comments
Ola amores, vamos falar sobre um assunto que muitas mulheres tem medo. E as vezes não querem engravidar por conta desse medo. Então vamos acabar com algumas duvidas. Lembrando que vou falar pela minha experiência com dois partos normais, e um foi diferente do outro.
O parto normal é a melhor opção tanto para o bebê como para a mamãe.Porque? Bom, só o nome já fala, este é o normal kkk, porque se ambos estiverem bem, o processo do parto normal prepara o pulmão do  bebê para a vida aqui fora.Quando esta na hora de ter o bebê, a mamãe naturalmente entra em trabalho de parto,ou seja, esta na hora e não força a criança a nada.Ela pode ir se acostumando com o ambiente externo.Mas só para frisar, isso quando esta tudo bem tanto com a mamãe como com o bebê.

Mas mesmo com dor,ainda é melhor?Bom, a questão da dor depende muito de mulher para mulher. O psicológico conta na minha opinião, na minha ultima gravidez senti que a dor foi pior do que na minha primeira.Mas isso é uma coisa que depois que estamos com nosso bebê nos braços,nós ficamos tranquilas e tudo passa e você já sente alivio.Não se compare com outras mulheres, porque cada parto é diferente do outro. Por exemplo, minha filha nasceu rápido toda com sangue ou seja ficou mais fácil para ela escorregar e sair. Eu senti as dores, quando cheguei no hospital já estava de 6 dedos dilatados, me deram o soro e rapidinho eu subi para te-la e o banho ajudou também. Na mesa de parto veio a primeira dor e na segunda ela saiu, achei rápido.
Agora na segunda gravidez, foi complicado,tive problemas de saúde,cai na escada, passei estresse e raiva, cansaço e tudo isso conta.Quando fui ter meu bebê eu sofri porque ele nasceu todo branco, ensebado, parecia que tinham passado gordura de bacon nele kkk. Mas isso dificultou para ele sair porque eu tinha que fazer mais força e eu estava cansada, não tinha conseguido comer, já estava ficando mole, quase dormindo mesmo com dor, mas ele nasceu. E nós dois ficamos bem.
Não contei isso, para vocês sentirem medo.Eu só quis mostrar como um parto é diferente do outro.A dor na hora você sente, nem que seja um pouco ou muito, mas o que quero explicar, é que isso passa e você não precisa se apavorar com isso agora. Porque é um processo natural e se não temos problemas de saúde, aguentamos sim. Fomos criadas com essa capacidade. Mamães fiquem tranquilas.
Sem falar que com o parto normal, nos recuperamos bem mais rápido e fica mais fácil para cuidarmos do nosso bebê.E acredite o bebê vai precisar bastante da mamãe.

sexta-feira, 8 de junho de 2018

Acabando com Assaduras

junho 08, 2018 0 Comments
Ola,tudo bem?Hoje falar sobre assaduras?O que podemos fazer resolvendo em casa mesmo? 
As vezes você gasta comprando aquela pomada cara, e não vê resultado.Ou as vezes você não tem dinheiro para comprar aquele produto. E seu filhinho ou filhinha toda assada. E também não se culpe de ter feito algo errado porque isso acontece, você limpa,lava, hidrata,cuida e tudo, mas um belo dia quando tira a fralda para trocar a criança, esta la a assadura. Então vamos a dica de como podemos resolver sem agredir nosso bebezinho. E resolver de maneira rápida nosso problema.



  Você vai pegar um pouco de água filtrada, adiciona arroz e coloca para ferver. Vai ficar uma água branquinha, depois esfriar adicione um pouco de óleo corporal. Pode ser aquele da linha mamãe e bebe da natura, ou pode ser de qualquer linha que esteja acostumada a usar. Eu uso desta marca por isso a recomendo, mas cada mamãe usa o que conhece e se da bem com produto.
Em relação de quantidades, vocês podem ver, precisa ficar uma aguinha branca como eu já havia dito. Vou passar minha quantidade: 500 ml de água filtrada, uma xícara de chá de arroz e duas colheres de óleo da natura. Dai é só ir cuidando para não secar como arroz normal quando fazemos, se necessário pode ir acrescentando água.Depois é só coar o arroz,esperar esfriar e ai acrescenta o óleo.
Gente é caseiro,mas é excelente.Alem tratar assadura, vai ajudar a prevenir infecções
Espero que tenham gostado da dica.Duvidas?Deixe nos comentários. 

segunda-feira, 4 de junho de 2018

Ficou gravida? E agora?

junho 04, 2018 0 Comments
E ai você se sente diferente, resolve fazer um teste e da de cara com aqueles dois tracinhos. E agora?
Calma, não precisa se apavorar. Sabe aquele sentimento de não vou conseguir, eu não sei cuidar de criança, nunca troquei fralda, tenho medo de pegar recém nascido no colo,entre outros. Enfim, é normal você ter esse frio na barriga por assim dizer kkk, mas tudo muda assim que o(a) enfermeiro(a),coloca teu filho(a) nos teus braços quando acaba de nascer.
Você sente uma conexão com a criança, e ela com você. Tanto que ao sentir o corpo da mãe, normalmente, eles param e chorar, porque já sentem que dali vira seu alimento, sua proteção, amor,ajuda e tudo que ele precisar. E você ao perceber isso, também se transforma. Não precisa aprender a segurar porque terá eu próprio jeito, não precisa aprender a trocar porque também terá seu jeitinho, banhos e etc. Tudo você programando horários, modos de se fazer automático. Somos mulheres, temos esse sentido materno, naturalmente somos evoluídas no assunto as vezes sem querer. É claro que podem surgir duvidas básicas, que nessa hora as avos são nossa ajuda.E perguntar não vai te fazer uma péssima mãe, apenas você é mãe de primeira viagem.
Então você, esta se adaptando a uma nova vida e o nenê também. Se descobrir uma gravidez, não fique em pânico achando que não vai conseguir ser mãe. Procure curtir o momento, converse com a criança dentro de você, comece dese já aumentar esse vinculo que já se formou entre vocês. Essa experiência é unica com cada gravidez, então aproveite.










Olha eu ai kkk comendo abacaxi e esse barrigão no meio da bagunça kkk

Sobre nos

junho 04, 2018 0 Comments




Ola tudo bem? Aqui venho falar sobre como iniciou minha família
Bom, quando conheci meu esposo, eu não gostei dele. kkk paguei com a língua porque eu,na época, comentei com ninha mãe: Que rapaz feio!! E minha mãe disse: Pior
Ou seja, ele não tinha chance kkkk , mas depois de conhece lo, gostei de qualidades e tals. Enfim dei uma chance, e casei.
Aos 7 meses de casado,engravidei da minha filha Alexya, gente eu quase tive um treco kkkk. Entrei em depressão porque eu não queria, estava curtindo meu casamento. Com isso tive que fazer vários tratamentos. Quando minha filha, tinha 5 anos, engravidei do meu filho Alekbrucy, ai eu já estava acostumada com esse mundo maternidade, mas minha gravidez foi complicada, tive problemas de saúde, gastei muito, só vivia em médicos. E ainda levei um tombo com 7 meses de gravidez. E por incrível que pareça ate o parto foi mais difícil e para variar, tinha acabado energia no hospital.
Peguei trauma? Sim kkkk, vamos parar no casal, assim espero. Mas ser mãe, é uma coisa maravilhosa,inexplicável porque é uma mistura de sentimentos agradáveis que no final se resume em amor.

O que fazer em casos de birras?

junho 04, 2018 0 Comments
Ola, vamos la?
Aqui vou dar algumas dicas sobre essa situação desagradável que muitas mães passam e as vezes fica meio sem graça se estiver perto de outras pessoas, ou as vezes é mãe de primeira viagem e fica meio perdida do que fazer.

Então,  bora para as dicas?
Primeiro, seja compreensível, porque quando bebezinho, nós mamães, estamos sempre em cima da criança, cuidando de cada passo que começa a dar, se golfa estamos ali para cuidar, se chora já corremos, e etc.A criança sente isso, mas conforme ela vai crescendo, começamos a diminuir certas coisas porque não é mais aquele bebezinho, esta crescendo, então por exemplo, não pegamos no colo com a frequência que pegava, não é todo choro que corremos e assim vai.  E ai a criança começa perceber essa diferença e ate se acostumar com essa nova fase, ela faz birra para chamar atenção que ela tinha antes, os mimos que ela tinha e assim vai.Então precisamos ser compreensíveis de que para a criança também é difícil.
Segundo,manter a calma, porque quando entendemos o motivo da birra, o que esta por trás e entender o lado da criança também fica mais fácil de manter a calma, quando acontecer a birra
Terceiro,não ceder. Embora entendemos o que esta acontecendo, não precisamos voltar a tratar a criança como um bebezinho. Não precisamos ceder, muito pelo contrario, precisamos ajuda la a ver que ela esta crescendo, então muitas coisas vão mudar. Portanto, se dissermos sim, permanece o sim. E se dissermos não.permanece o não. Isso fara também com que a criança veja que a birra que ela faz,não adianta em nada, porque você manteve sua decisão.
Quarto,tenha paciência. Essas dicas vão lhe ajudar sim, mas isso depende no tempo da criança começar a se acostumar com o novo jeito que a mamãe lida com as coisas.Eles observam muito as mamães.Então com paciência mantenha as dicas, que lhe sera útil.
Mas enquanto acontece a birra, o que fazer?
Primeiro, segura a criança, porque normalmente eles se jogam para trás e segura los, evita de se machucarem, baterem a cabeça e etc
Segundo,espere a criança se acalmar. Gente uma hora, a criança vai parar de chorar. Ela vai cansar, fiquem tranquilas mamães.
Terceiro,se tiver idade suficiente, não tem problema colocar um castigo. Por exemplo, tirar televisão por 30 minutos, não pode comer doce hoje e etc. Castigo básicas e imediato. Não precisa ser uma coisa de semanas ou um mês. Não exagere e explique o motivo pelo qual esta ficando de castigo, para que a criança comece a ver percas cada vez que ela fizer a birra.
Quarto, se estiver num mercado,medico,lugares movimentados, procure um cantinho tranquilo e leve a criança para la. Um local menos movimentado para tentar não chamar atenção.
Espero que tenham gostado das dicas, depois deixe nos comentários como foi por em pratica.






Bem vindo ao blogmamaecuida

junho 04, 2018 0 Comments
Ola tudo bem?
Bem vindo ao blog, aqui encontrara dicas e soluções praticas para lidar com crianças.Embora, tenho apenas 26 anos, mas sou mãe de um casal e já passei por cada uma kkkk, que tenho certeza de que muitas mamães já passaram.
Então gostaria de compartilhar idéias,sugestões e etc. Estamos aqui para isso.O blog é nosso.
Para estar mais por dentro, pode nos seguir no blog e nas ouras redes sociais.
Seja bem vindos!!!!

Post Recente

Olhar e Prestar Atenção nos filhos tem diferença

Ola mamães, hoje vamos falar sobre estarmos atentas as nossas crianças,ai você pensa:  Mas  eu  sou! Amigas,  aconteceu uma  situação aqui ...